Vemos, ouvimos e lemos
Paisagens
Pedras angulares A teologia visual da belezaQuem somosIgreja e CulturaPastoral da Cultura em movimentoImpressão digitalVemos, ouvimos e lemosPerspetivasConcílio Vaticano II - 50 anosBrevesAgenda VídeosLigaçõesArquivo

Artistas e teólogos falam de oração na 3.ª Jornada de Teologia Prática

Personalidades do mundo do teatro, música e poesia, como Luís Miguel Cintra, João Madureira e D. José Cordeiro, bispo de Bragança-Miranda, vão falar da oração na 3.ª Jornada de Teologia Prática, que decorrerá a 26 de outubro em Lisboa.

A iniciativa organizada pela Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa é dedicada ao tema “‘Quando rezardes, rezai assim’ – Sentidos, práticas, figuras orantes”.

O encontro abre com as intervenções introdutórias de Alfredo Teixeira, diretor do Instituto Universitário de Ciências Religiosas, e do padre José Tolentino Mendonça, que dirige o Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura, naquela que é a sua primeira atividade pública enquanto novo diretor do Centro de Estudos de Religiões e Culturas, pertencente à Faculdade de Teologia.

“‘Missa sobre o mundo’. Teilhard de Chardin” é o título da primeira conferência, a cargo de Luís Miguel Cintra, ator e encenador do Teatro da Cornucópia.

O padre Carlos Cabecinhas, reitor do Santuário de Fátima, e Alfredo Teixeira conversam a seguir sobre “A oração cristã: o singular e o universal”, com moderação de Paulo Rocha, diretor da Agência Ecclesia.

“Práticas orantes” é o tema do painel que vai reunir o padre António Valério (“A oração na rede (passo-a-rezar.net)”, Alice Caldeira (“Rezar com as pessoas com deficiência”) e Helena Presas (“(Re)aprender a rezar”). Francisco Sarsfield Cabral modera o debate.

Após o almoço Maria José Fazenda e o curador Paulo Pires do Vale, com moderação do jornalista Joaquim Franco, centram-se no tema “Corpos orantes: para uma estética da oração”.

A jornada prossegue com a perspetiva bíblica: Luísa Almendra, especialista em Sagrada Escritura, e Isidro Lamelas, perito em Patrística, ambos professores da Faculdade de Teologia, conversam sobre “Job, ‘figura’ orante”, com moderação do jornalista Filipe d’Avillez.

“A palavra orante de Jesus: para uma audição teológica” junta José Tolentino Mendonça e o compositor João Madureira, moderados pelo jornalista António Marujo.

A última conferência, a cargo do bispo de Bragança-Miranda, é também uma interrogação: “Precisamos de palavras para rezar?”. O diretor da Faculdade de Teologia, João Lourenço, conclui a jornada.

O desdobrável da iniciativa inclui uma citação de Henri Bourgeois: «Uma teologia que tem a preocupação da prática deve procurar a compreensão da realidade a que se dirige. É fundamental que a teologia prática não desfigure a identidade da experiência, racionalizando-a e teorizando-a abusivamente, ou seja, encarando-a de modo abstrato e genérico, excluindo os sujeitos atores. Assim, o primeiro objetivo da teologia prática é considerar e acolher a prática tal como ela é experimentada por aqueles que a vivem».

Sobre a oração, o folheto recolhe um trecho extraído dos Padres do Deserto:

«Conta-se que o abade Macário, quando certo dia caminhava na montanha, viu o crânio de um cadáver no chão. Macário mexeu na cabeça e o crânio respondeu-lhe.

Macário disse: Quem és tu que me falas? O crânio disse: Tu és o abade Macário, o pneumatóforo.

Macário disse: Tu estás no repouso ou em sofrimento?

O crânio disse: Eu estou nos tormentos.

Macário disse: De que espécie são os teus tormentos?

O crânio diz: Existe um rio de fogo que ferve sobre as nossas cabeças – tão alto quanto o céu – e um outro debaixo de nós. Nós estamos no meio, sem que os nossos rostos possam ver os dos outros, uma vez que estamos unidos uns aos outros pelas costas. Quando se faz uma oração por nós, é-nos dado um pouco de repouso.

Macário diz: O que é esse repouso?

O crânio diz: Durante um breve pestanejar, podemos olhar o rosto uns dos outros.»

 

Imagem

 

Imagem

 

Imagem

 

 

 

Rui Jorge Martins
26.09.12

Redes sociais, e-mail, imprimir

Imagem






































Citação

 

 

Artigos relacionados

 

Página anteriorTopo da página

 


 

Subscreva

 


 

 


 

 

Secções do site


 

Procurar e encontrar


 

 

Página anteriorTopo da página

 

 

 

2012: Nuno Teotónio Pereira. Conheça os distinguidos das edições anteriores.
Leia a última edição do Observatório da Cultura e os números anteriores.