Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Exposição “Pelos caminhos do mundo” abre-se à diversidade de culturas e motiva dinamismos novos na Igreja

“Pelos caminhos do mundo” é o título de uma exposição que vai ser inaugurada a 29 de setembro, em Guimarães, e que percorrerá várias regiões de Portugal, no contexto do Ano Missionário, proposto pela Conferência Episcopal Portuguesa.

A mostra, que «pretende ser motivadora de dinamismos novos na Igreja católica», é composta por cerca de 30 objetos, refere um comunicado enviado ao Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura pela organização, a plataforma dos Institutos Missionários “Ad Gentes” (IMAG).

No primeiro momento do itinerário é apresentado um conjunto de 13 “roll-ups”, que «aponta para o Deus que “faz caminho com as pessoas”, enquanto que o segundo bloco exibe objetos que se abrem «ao encontro de culturas e religiões».



Imagem Calendário eterno (det.) | México | © IMAG


Na terceira e última secção da iniciativa, com entrada livre, é proposta, em forma de jogo, a «aventura de correr os caminhos do mundo e da missão» de anunciar o Evangelho.

O projeto compreende a publicação de um catálogo que incluirá a fotografia e descrição de cada uma das peças, bem como as imagens dos “roll-ups”.



Imagem Cruz processional | Etiópia | © IMAG


O papa Francisco declarou outubro de 2019 “Mês Missionário Extraordinário”, por ocasião do centenário da carta “Maximum Illud”, de Bento XV, e os bispos de Portugal decidiram estabelecer um Ano Missionário em todas as dioceses.

«Ao longo deste Ano Missionário, de outubro de 2018 a outubro de 2019, façamos todos – bispos, padres, diáconos, consagrados e consagradas, adultos, jovens, adolescentes, crianças – a experiência da missão. Sair. Irmos até uma outra paróquia, uma outra diocese, um outro país em missão, para sentirmos que somos chamados por vocação a sermos universais, ou seja, a termos responsabilidade não só sobre a nossa comunidade, mas sobre o mundo inteiro», refere o episcopado em nota pastoral de maio de 2018.


 

Itinerário da exposição


18 a 25.11.2018
Porto, Casa Diocesana de Vilar
Abertura: 9h00-22h00 (exceto dia 25, até 18h00)
«Estará uma Equipa de Missionários a acolher, acompanhar e disponíveis para qualquer pessoa que deseje conhecer, saber mais sobre as Missões, ou aprofundar o que Deus espera de si e/ou o que espera a pessoa da vida e do futuro.»
Animação missionária: 20h30-22h30
Inauguração, dia 18, 15h00, com a presença de D. António Augusto Azevedo, bispo auxiliar do Porto

 

Imagem Mamã africana | Moçambique | © IMAG

Imagem Mate | Argentina | © IMAG

Imagem Moinho de orações | Tibete | © IMAG

Imagem Nilavilakku | Índia | © IMAG

Imagem Samurai | Japão | © IMAG

Imagem Texto do Corão | © IMAG

Imagem Kannon (representação feminina do Buda da compaixão) | Japão | © IMAG



 

Rui Jorge Martins
Imagem de topo: Altar budista | © IMAG
Publicado em 13.09.2018 | Atualizado em 07.11.2018

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos