Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Jorge Gabriel na Jornada Nacional da Pastoral da Cultura

O jornalista e apresentador de televisão Jorge Gabriel será um dos participantes da 14.ª Jornada Nacional da Pastoral da Cultura, que a 2 de junho vai refletir, em Fátima, sobre o tema "Desporto - Virtudes e riscos".

Quase a completar 50 anos - o aniversário ocorre poucos dias antes do encontro, a 29 de maio -, Jorge Gabriel entrou para a televisão em 1993, na SIC, apresentando o programa de desporto "Os donos da bola".

Transitou para a RTP em 2002, onde volta a ser o rosto de vários programas, além de comentador de futebol. Atualmente pode ser visto nas manhãs de segunda a sexta-feira, ao lado de Sónia Araújo, no programa "A praça", sucessor da "Praça da Alegria", que marcou a sua estreia na estação pública.

A Jornada, com inscrições já abertas, começa com a intervenção de D. João Lavrador, presidente da Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais, que tutela o Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura.

O encontro prossegue com a intervenção de Tomaz Morais, treinador de râguebi e comentador desportivo, seguindo-se um painel com Ismael Teixeira, o "iron priest" ("padre de ferro") e o jornalista Ribeiro Cristóvão.

Após o almoço, novo painel, desta vez com a antiga campeã mundial de canoagem e professora universitária Beatriz Gomes, acompanhada por Jorge Gabriel.

O tema "Desporto - Virtudes e riscos" encerra com a conferência do escritor, e também professor universitário, Gonçalo M. Tavares.

O programa centra-se no significado antropológico e nas atuais conexões socioculturais do Desporto - poética e ética do corpo e do espírito, poderes e desvios da irradiação social (negócio, corrupção, alienação, etc.).

Os conferencistas refletirão igualmente sobre a possibilidade de atualização da  perspetiva cristã do ideal humanista de "mens sana in corpore sano" (mente sã em corpo são).

O objeto temático foi escolhido na sequência das múltiplas intervenções do papa Francisco e dos seus antecessores sobre o Desporto, a par do crescente envolvimento no tema por parte do Conselho Pontifício da Cultura, designadamente com a abertura de um departamento especializado, a organização de eventos e a criação de equipas com as cores da Santa Sé.

O ator Ruy de Carvalho, com 91 anos de idade e 76 de carreira, e atualmente a trabalhar no Teatro Experimental de Cascais, receberá durante a Jornada o Prémio Árvore da Vida - Padre Manuel Antunes, atribuído pelo Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura, em parceria com a Renascença.



 

SNPC
Imagem: Jorge Gabriel | D.R.
Publicado em 28.05.2018

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos