A teologia visual da beleza
Paisagens
Pedras angulares A teologia visual da belezaQuem somosPastoral da Cultura em movimentoImpressão digitalVemos, ouvimos e lemosLigaçõesBrevesAgenda Arquivo

Pintura

Júlio Pomar, Ângelo de Sousa, Albuquerque Mendes, Pedro Cabrita Reis

A incessante busca de novos resultados estéticos por parte dos artistas contemporâneos conduziu à total liberdade de expressão. Júlio Pomar, Ângelo de Sousa, Albuquerque Mendes e Pedro Cabrita Reis: cada um desenvolve processos próprios.

O vídeo seguinte foi extraído do DVD “Materiais e Técnicas de Pintores do Norte de Portugal”, produzido pelo Centro de Investigação em Ciências e Tecnologias das Artes, integrado na Universidade Católica Portuguesa (Porto).

O estudo baseado em artistas dos séculos XVI a XXI foi iniciado em 2009, com o objetivo de «aprofundar o conhecimento sobre determinada obra, sobre o próprio pintor, sobre a corrente artística em que cada um se insere e a forma como os materiais e as técnicas de execução foram evoluindo, ao longo dos tempos».

 

 

 

© Universidade Católica Portuguesa | 01.12.11

Imagem
Júlio Pomar

 

 

 

 

Página anteriorTopo da página

 


 

Subscreva

 


 

Secções do site


 

Procurar e encontrar


 

 

Página anteriorTopo da página