Vemos, ouvimos e lemos
Projeto cultural
Pedras angulares A teologia visual da belezaQuem somosPastoral da Cultura em movimentoImpressão digitalVemos, ouvimos e lemosLigaçõesBreves Arquivo

Santo Tirso

Exposição de presépios mostra centenas de exemplares de Portugal e África

Santo Tirso transfoma-se, por estes dias, numa cidade que privilegia o presépio como uma das mais importantes tradições de Natal.

Este ano há centenas de exemplares provenientes de Portugal e de diversos países africanos, que podem ser vistos na Câmara Municipal, nas sedes das duas corporações de bombeiros e nas montras do comércio local.

A palavra "presépio" deriva de um termo hebraico que significa "manjedoira".

A ideia de representar o Natal de Jesus, primeiro com figuras vivas e depois com imagens, surgiu a S. Francisco de Assis, que armou o primeiro presépio na noite de Natal de 1223. Inicialmente reduzidos ao Menino, a Maria e a José, mais tarde encheram-se de figuras dos pastores e de muitas mais.

 

 

 

Reportagem: RTP
01.12.09

Presépio africano

 

 

 

 

Página anteriorTopo da página

 


 

Subscreva

 


 

Mais artigos

Destaque
Leitura
Imagem/Vídeo
Mais vistos

 

Secções do site


 

Procurar e encontrar


 

 

Página anteriorTopo da página