Vemos, ouvimos e lemos
Paisagens
Pedras angulares A teologia visual da belezaQuem somosIgreja e CulturaPastoral da Cultura em movimentoImpressão digitalVemos, ouvimos e lemosPerspetivasConcílio Vaticano II - 50 anosPapa FranciscoBrevesAgenda VídeosLigaçõesArquivo

Leitura

"Dois dedos de conversa sobre o dentro das coisas": crente e ateu escrevem sobre o que os une e separa

A nova editora Frente e Verso, pertencente aos Jesuítas, apresenta a 21 de maio, em Lisboa, a obra "Dois dedos de conversa sobre o dentro das coisas - "Um crente, um ateu e a Verdade como provocação".

O livro de Bruno Nobre e Pedro Lind conta com dois prefácios assinados pelo neurocirurgião João Lobo Antunes e pelo físico Carlos Fiolhais, a quem foi confiada a apresentação do volume.

A obra reporta a correspondência entes os autores, ambos físicos, um crente, jesuíta, e um ateu, «num diálogo intenso e sugestivo sobre o modo de entender a relação entre a ciência e a religião», refere uma nota enviada ao Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura.

Os milagres, a relação de Deus com o mundo, o ser humano como acaso ou como criatura, o sentido da vida com ou sem a crença no divino são algumas das questões debatidas no livro.

«Hoje, mais do que em qualquer outra época, a alma do Ocidente é objecto de disputa entre crentes religiosos e crentes ateus. Estes parecem levar vantagem, pelo menos do ponto de vista cultural e comunicacional, enquanto aqueles aparecem cada vez mais ocupando as franjas de sociedades nas quais, ainda não há muitas décadas, constituíam a força cultural com maior visibilidade», lê-se no texto de apresentação.

A par desta tendência assiste-se, nos anos mais recentes, ao «encontro entre crentes religiosos, sobretudo cristãos, e crentes ateus, para confrontar opiniões, sem urgências de proselitismo e sem necessidade de con-vencer o interlocutor», atitude de que o novo volume é um exemplo.

«Num tempo em que os fundamentalismos – religiosos ou ateus – ocupam, com vantagem sobre as convicções assumidas e respeitadoras da diferença, a atenção dos media, é importante não perder de vista a possibilidade do encontro ou desencontro sereno das convicções» e de «repensar os grandes temas que sempre preocuparam a humanidade».

A sessão decorre às 18h30 na Livraria Ferin, localizada na Rua Nova do Almada, 70-74.

No dia 24 de maio a Frente e Verso lança, também em Lisboa, o livro "A Ideia da Fé - Tratado de Teologia Fundamental", do sacerdote italiano  Pierangelo Sequeri, com apresentação do padre José Frazão Correia.

O evento, marcado para as 17h45 na Universidade Católica Portuguesa, está integrado nas comemorações do Dia Nacional da Faculdade de Teologia.

A obra "Porque Devemos Chamar-nos Cristãos – As raízes religiosas das sociedades livres", de Marcello Pera, foi o primeiro livro publicado pela Frente e Verso, que iniciou a atividade editorial esta quarta-feira, 15 de maio (cf. "Artigos relacionados").

 

Rui Jorge Martins
© SNPC | 17.05.13

Redes sociais, e-mail, imprimir

Capa

 

 

 

Página anteriorTopo da página

 


 

Subscreva


Siga-nos no Facebook

 


 

 


 

 

Secções do site


 

Procurar e encontrar


 

 

Página anteriorTopo da página

 

 

 

2012: Nuno Teotónio Pereira. Conheça os distinguidos das edições anteriores.
Leia a última edição do Observatório da Cultura e os números anteriores.