Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Presépios no Vaticano: Beleza e simplicidade

Imagem Presépio na Praça de S. Pedro, Vaticano (det.) | Dezembro 2014 | REUTERS/Giampiero Sposito | D.R.

Presépios no Vaticano: Beleza e simplicidade

Ramos, galhos, madeiras, musgos e pedras dos jardins do Vaticano; tintas laváveis e fontes com água corrente: baixo custo e sustentabilidade ambiental são alguns dos critérios que orientaram a conceção do presépio preparado no piso térreo da Casa de Santa Marta, no Vaticano, onde o papa Francisco reside.

A cena apresenta uma dezena de personagens – pequenas estátuas de madeira feitas no século XIX - que se dirigem para um abrigo simples, onde Maria e José acolhem o Menino.

Alessandro Di Placidi, encarregado da manutenção, explicou ao jornal do Vaticano, "L’Osservatore Romano", que ao montar o presépio teve presente que Jesus nasceu num local provisório, quase em ruínas, onde faltava tudo, e somente o teto era assegurado.

Outro presépio, preparado por Pasquale Scognamiglio, foi inspirado numa pintura de 1815 assinada pelo dinamarquês Christoffer Wilhelm Eckersberg. Tendo ao fundo uma paisagem rochosa, eleva-se uma torre circundada por um aglomerado de casas.

A disposição dos personagens e do ambiente remete para as paisagens campestres em torno de Roma. É neste cenário que está a pequena gruta onde nasce Jesus. A obra foi oferecida a Francisco pela paróquia Santa Domitilla de Latina.

A terceira cenografia, situada na antecâmara do apartamento de Francisco, foi presenteada por um grupo de amigos do presépio de Monte Porzio Catone.

Foi montada recorrendo a poliestireno, gesso, juta e madeira, com iluminação "led". Para representar o nascimento foram escolhidas esculturas em resina provenientes de Monserrate, Espanha.



Imagem Presépio na Praça de S. Pedro, Vaticano (det.) | Dezembro 2014 | REUTERS/Giampiero Sposito | D.R.

Na paróquia do Vaticano, Santa Ana, o presépio lembra a antiga Palestina. Entre os pastores foi colocada, em primeiro plano, uma figura evocativa de uma pessoa sem-abrigo, morta este ano, que durante um quarto de século participou na missa da manhã.

Além desta recordação particular, o presépio responde a uma das insistências do papa: «A atenção às pessoas em dificuldade, aos pobres, não apenas pessoas que estão pobres de dinheiro, mas também pobreza a nível pessoal e espiritual», explicou o pároco.

O presépio na Praça de S. Pedro foi oferecido pela Fundação Arena di Verona, com sede na cidade homónima italiana, que tem uma importante tradição lírica.

A cenografia inspirada na ópera "Elixir do amor", de Gaetano Donizetti, estreada em 1832 e já representada em Portugal, tem 24 x 12 metros e oito de altura, com 25 figuras de tamanho natural.



Imagem Presépio na Praça de S. Pedro, Vaticano (det.) | Dezembro 2014 | REUTERS/Giampiero Sposito | D.R.

Ao lado do presépio está a árvore de Natal, um abeto de 25,5 metros de altura, presenteado pela região italiana da Calábria. Ambos ficarão expostos até 2 de fevereiro de 2015, quando a Igreja celebra a festa da apresentação do Menino Jesus no templo.

 

Fonte: Rádio Vaticano
Edição: Rui Jorge Martins
Publicado em 23.12.2014

 

 
Imagem Presépio na Praça de S. Pedro, Vaticano (det.) | Dezembro 2014 | REUTERS/Giampiero Sposito | D.R.
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Evangelho
Vídeos