Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Comunidade católica convida crentes e não crentes a dar voz ao papa Francisco

A comunidade da Capela do Rato, em Lisboa, organiza a 8 de outubro uma sessão aberta em que crentes e não crentes vão escolher e dar voz a palavras do papa Francisco, anunciou hoje o capelão, P. António Martins.

«Neste momento de crise dentro da Igreja, os crentes e os não crentes, partindo do princípio de que o papa Francisco é a grande figura do século XXI e que é uma figura universal, imaginei uma sessão em que cerca de 30 pessoas, sem adjetivos e sem advérbios, leem um fragmento dos seus textos», explicou Leonor Xavier.

Em declarações ao Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura, a escritora salientou que é «muito interessante ver a unidade na diversidade das vozes e dos perfis das pessoas. Naturalmente que haverá algumas figuras públicas, porque isso é motivo de curiosidade e interesse das pessoas que vierem».

«Penso que é uma forma ativa de a sociedade portuguesa se envolver nesta intenção e de darmos todos um testemunho em torno dele. Para além do respeito que devemos ter pelo papa como católicos, é a demonstração de que ele é uma figura universal», assinalou a co-organizadora da iniciativa.

A reação de personalidades afastadas da Igreja à proposta foi de aceitação «imediata», como sucedeu com Lídia Jorge e Viriato Soromenho-Marques, e o mesmo aconteceu com católicos como Tozé Brito, Ruy Vieira Nery e Alice Vieira.

«Ninguém virá aqui na qualidade de coisa nenhuma», frisa Leonor Xavier, que menciona igualmente entre os convidados, todos sujeitos a confirmação de presença no próprio dia, de Guilherme d’Oliveira Martins e Leonor Beleza.

Não é a primeira vez que a comunidade da Capela de Nossa Senhora da Bonança organiza encontros com um projeto semelhante, congregando crentes e não crentes. O mais recente foi a leitura de poemas do arcebispo D. José Tolentino Mendonça, quando estava prestes a despedir-se de capelão, antes da ordenação episcopal, em julho.

A sessão está marcada para as 18h30.


 

Rui Jorge Martins
Imagem: Papa Francisco | D.R.
Publicado em 10.10.2018

 

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos